face.jpg
insta.jpg

1 ANO da gestão lutar quando a regra é ceder o cress mais perto de você

Gestão: Lutar quando a regra é ceder: O CRESS mais perto de você!
Autor:

Hoje, dia 29 de novembro, completamos 1 ano da Gestão Lutar quando a regra é ceder: o CRESS mais perto de você. E o que falar dessa experiência que vem nos instigando, desafiando e nos motivando a continuar nessa caminhada que é árdua, mas necessária, diante de uma conjuntura de retirada de direitos, de baixos salários, assédio moral e de intensificação do neoconservadorismo?

Nossa resposta é NÃO CEDER!

Desde a nossa posse nos deparamos com muitos desafios e problemas no CRESS-PA, destacamos: Seccional de Santarém fechada, muita demanda para poucos funcionários, meios de comunicação quase que inexistentes, inadimplência ultrapassando os 60% dos inscritos no Pará, inscrições com muitas pendências, fragilidade nos processos licitatórios e muitas reclamações por todos os meios de comunicação oficial do conselho.

 

E hoje, após 1 ano de Gestão, temos a Seccional de Santarém aberta e com uma funcionária administrativa atendendo diariamente, um novo site com informações mais atualizadas para nossa categoria, mais duas funcionárias administrativas para atenderem a demanda da secretaria e tesouraria e um profissional da área da Tecnologia da Informação, que vem construindo caminhos que atendam as demandas de nossa categoria profissional.

 

Instituímos a Comissão Permanente de Licitação, organizamos a questão financeira do CRESS com a responsabilidade que nos cabe, mesmo que ainda tenhamos um elevado número de profissionais inadimplentes, demos agilidade nos processos de inscrição no conselho, seguindo a risca as normatizações que garantem o registro profissional, conseguimos trazer o Encontro Nacional CFESS/CRESS para Belém em 2019 e realizamos muitas fiscalizações/orientações em diversas cidades do nosso Estado. Até o presente momento chegamos nas regiões do CAPIM, GUAMÁ, XINGU, CAETÉ, CARAJÁS, SUL DO PARÁ, TAPAJÓS, BAIXO AMAZONAS, e logo mais estaremos no SUDESTE do Pará e no MARAJÓ.

 

Chegamos onde queríamos? Não. Ainda falta muito a fazer! Temos muitos colegas de profissão para visitar nesse imenso Estado, temos ainda que atender as solicitações da categoria com mais agilidade em suas demandas e estar cada vez mais próximo dos(as) Assistentes Sociais. Sonhamos com uma nova casa para o nosso Conselho, que seja muito mais acolhedor a todas(os) nós.

Nosso muito obrigada(o) a cada profissional que acreditou nessa gestão e aqueles que não acreditaram também, pois o nosso trabalho à frente do CRESS-PA é para todas(os) nós! Somos historicamente forjadas/os para construir um projeto de sociedade igualitária e justa. Sigamos na LUTA, na certeza que CEDER jamais será a nossa REGRA! Brotemos do impossível chão!